O CIÚME DÓI LITERALMENTE


Como faca afiada é o ciúmes,

Me rasga o peito, me corta por dentro,

Corro, me escondo, fujo

Esbravejo, resisto, luto

mas não resisto, falta alento.

Quebro meus discos,

Rasgo os meus versos,

Arranho meu corpo,

Fico insano, louco,

Perco o tino, me desespero.

Quebro os cristais,

Queimo os retratos,

Me aplico penitências

E estando sem consciência,

Meu pobre coração maltrato.

Mas depois que o ciúmes se vai,

Fico sem jeito, perco a graça,

Pois vejo que não tem motivo

O mal que me tem afligido

E o ciúmes desvanece e passa.

Estes versos do poeta Alexandre Rogério descrevem de forma visceral este sentimento tão complexo e instintivo inerente à raça humana.


O ciúme é tema recorrente na literatura. Otelo, personagem de Willian Shakespeare, é o símbolo mor desse sentimento intenso e avassalador. É por ciúmes que o general mouro mata sua mulher Desdêmona.


O ciúme patológico não é prerrogativa da literatura universal, na vida real muitas mulheres são assassinadas ou mutiladas por causa desse sentimento irracional.


Segundo o psicólogo Alexandre Amaral, o ciúme é uma manifestação natural de sermos exclusivos, ele brota da nossa necessidade de sermos reconhecidos e valorizados. Quando sentimos que essa exclusividade está ameaçada, reagimos para reafirmar nossa importância dentro da relação.


O ciúme patológico pode estar ligado à insegurança e a baixa autoestima. A pessoa ciumenta sofre de transtornos físicos e psicológicos. Os sintomas mais comuns são: taquicardia, boca seca, alucinação, agressividade, compulsão, culpa e depressão. O desequilíbrio no sistema nervoso interfere na dinâmica dos neurotransmissores, aumenta o nível de estresse, abrindo campo para as doenças psicossomáticas.


Porém, em doses manejáveis o ciúme pode apimentar a relação. Condimento essencial para afoguear a paixão, tornando o sexo mais quente e delicioso.


Veja o trailer do filme francês " O Ciúme"



#ciúme #insegurança #transtornopsicológico

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • Instagram Social Icon

           www.janelafeminina.com

 created  by Marlúccia Araújo 2015

        Web designer:  Lucas Reis