SAIBA O MAL QUE UM RELACIONAMENTO TÓXICO CAUSA À SUA SAÚDE

 

Uma pesquisa elaborada por um grupo de cientistas britânicos revelou que as doenças cardíacas podem aumentar  até 34% em  mulheres que vivem uma relação amorosa conturbada. Conflitos permanentes geram um estado de ansiedade e estresse. Este quadro depressivo triplica a probabilidade da ocorrência de um infarto.

 

Segundo dados da Organização Mundial de Saúde (OMS), as doenças psicoafetivas (depressão e estresse) serão uma das que mais vão afetar homens e mulheres a partir de 2020. Ritmo de vida acelerado, aumento da competitividade no trabalho, desemprego, trânsito caótico, violência urbana e principalmente desajustes no relacionamento amoroso são fatores prepoderantes para a ocorrência dessas enfermidades de ordem emocional .

 

Um relacionamento saudável e feliz funciona como um suporte poderoso quando outras instâncias da vida não estão muito bem. A ausência desse colo acolhedor, desse porto seguro afetivo,  a pessoa entra em colapso, sente-se como se estivesse em pleno naufrágio sem bote salva-vidas. Mas quando se tem o carinho, o apoio e o respeito do outro, os problemas ficam mais fáceis de serem resolvidos.

 

Gritos, xingamentos e desrespeito são sintomas de uma relação tóxica, doente e apodrecida. Se seu casamento ou namoro apresenta algum  desses sinais, está na hora de você reavaliar o relacionamento e ver se vale a pena correr riscos, porque o desequilíbrio emocional, provocado por este estado permanente de estresse, é terreno fecundo para a instalação de doenças psicossomáticas . Os danos na vida profissional, social e emocional podem ser incalculáveis e até irreversíveis.

 

 Trailer do filme "Dormindo com o Inimigo"

 

 

 

Please reload

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • Instagram Social Icon

           www.janelafeminina.com

 created  by Marlúccia Araújo 2015

        Web designer:  Lucas Reis