ESPERA...

 

Vem, há algum tempo estou a te esperar...

Lava teu corpo,  faça uma faxina em tua alma!

Dispa-se  dos medos, dos rancores, das dores que sujam sua aura!

Sonho acordada com o que podemos  juntos fazer:

tomar banho de chuva e sentir na espinha  o frio do prazer,

tomar banho de mar e com a saliva salgada  segredar desejos inconfessáveis,

beber chocolate  no inverno e  com o hálito quente sussurrar um suspiro de entrega...

Instantes levianos e gestos protocolares

serão etéreos ao compartilharmos.

Pode ser um jantar sem  as luzes das velas.

Uma ida ao cinema da esquina.

Tomar  sorvete de baunilha no banco da praça.

Ou simplesmente nada fazer, nada dizer...

O ato de amar glamouriza qualquer gesto inocente,

porque amar nos torna inocentes, sonhadores, humildes, frágeis, indefesos e muito felizes!

Quando você chegar, traga uma rosa vermelha! Será o nosso TALISMÃ, o incenso deixa por minha conta.

Vou arrumar o quarto e  esticar na cama  meu melhor lençol de algodão.

Ah! Cheiro bom de roupa lavada...

Vou  banhar-me com água de cheiro e escovar os dentes com gel  close-up.

Gelar um Chandon,  pois iremos brindar  até quebrar os cristais.

Então...embriagados de desejo, faremos amor até desfalecermos.

No torpor do meu gozo  adormecerei em teu peito e esquecerei da brevidade da vida.

M.A.

Please reload

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • Instagram Social Icon

           www.janelafeminina.com

 created  by Marlúccia Araújo 2015

        Web designer:  Lucas Reis