4 SINAIS QUE INDICAM QUE VOCÊ PERDEU O AMOR-PRÓPRIO

 

  

Sabe aquela velha máxima que diz que "para amar alguém é preciso antes se amar "? Pois não se trata de mero clichê de livros de autoajuda, esta sentença é legítima, corroborada por Jesus Cristo quando legou à humanidade  o mandamento: "...amar ao próximo como a si mesmo". Embora a palavra "próximo" venha na frase em primeiro lugar, contudo, "a si mesmo" é, em primeiríssima instância, o cerne da questão, ou seja, é o alerta de importância capital para se cultivar o amor-próprio.
 

Mas afinal o que é essencialmente o amor-próprio? O amor por si mesmo não deve ser confundido com o orgulho (ilusão da autossuficiência), o egoísmo (incapacidade de amar verdadeiramente alguém) e o egocentrismo (achar-se o centro do universo). Pessoas autocentradas costumam acreditar que o mundo órbita em torno delas e só enxergam o próprio umbigo, estas estão fadadas ao fracasso nas suas relações sociais e afetivas.  A concepção de amor-próprio está calcada na autoaceitação e no autorrespeito.
 

Trocando em miúdos: aceitar-se é amar tudo em você, sem pieguice, é procurar entender que você é singular e tem características próprias que o individualiza, você é exemplar único  num universo de mais de sete bilhões de pessoas. Respeitar-se é preservar-se daquilo que fere seus princípios. É não permitir que o outro transgrida suas leis, nem ultrapasse a fronteira da sua individualidade.

 

  

COMO DETECTAR A FALTA DE AMOR-PRÓPRIO

 

1# Autoestima baixa - é o sinalizador que aponta o caminho para perder-se de si mesmo, ou seja, destituir-se do amor-próprio. A partir do momento que sua autoimagem estiver distorcida (achando-se feia, gorda, magra demais etc.) você abre as  portas da insegurança e da fragilidade emocional, ficando vulnerável à ação invasiva do outro.

 

2# Sempre fazer concessões - Ceder sempre numa relação, é autenticar sua incapacidade de reagir diante da violação do outro, em poucas palavras: para ser "aceita (o)" você faz concessões que vão de encontro aos  seus valores morais e espirituais. 

 

3# Aceitar migalhas - você não é formiga para viver de migalhas! Quando alguém não reconhece seu valor, vai sempre colocá-la (o) como  a última coisa em sua lista de prioridades. Fique atenta (o) aos sinais e fuja de relacionamentos tóxicos e sanguessugas! 

 

4# Comparação - no poema Desiderata de Max Ehrmann, tem um trecho que diz o seguinte: "Se você se comparar aos outros, pode tornar-se vaidoso ou amargo, porque sempre existirão pessoas superiores e inferiores a você". Então, pare de invejar a suposta vida perfeita de pessoas que desfilam no facebook e instagram! As redes sociais são templos narcisistas que vendem estilo de vida e imagens completamente irreais. Todos querem vender felicidade para mascarar suas dores. 

 

 

DICAS PRA FORTALECER O AMOR-PRÓPRIO

 

Cuide-se: vá ao salão de beleza, tenha uma alimentação saudável, pratique uma atividade física, compre aquele perfume importado que tanto desejas. Abrace-se, beije seu joelho, por que não? Dê beijinho no ombro e faça muitos mimos em você...

 

Invista seu tempo em você: vá ao cinema, leia aquele livro que você comprou e está empoeirado na estante, faça um curso, viaje, cultive um hobby, enfim faça algo que te dê prazer.

 

Priorize suas necessidades: Recupere sua potência, reafirme seu valor, valorize seus pontos fortes, sejam eles físicos ou intelectuais.

 

Quebre protocolos: coma aquela torta  de chocolate que você tanto gosta, sem se preocupar com as medidas, ande descalço, durma tarde assistindo vários episódios (gravados ou baixados da internet) de Game Of Thrones, por exemplo.

 

Declare seu amor por você: olhe-se no espelho e diga que você é uma pessoa linda, especial, poderosa e capaz de realizar coisas incríveis. Sorria sempre! Antes de dormir e ao acordar recite um mantra, tipo: " sou feliz, sou próspera, sou saudável".

 

Fortaleça seu espírito: procure  ter fé, se conectar com Deus, não importa como você O conceba. Ore, reze, medite para ter uma melhor percepção da vida.

 

Seja grato: agradeça a Deus pelo milagre da vida e de você fazer parte dessa grande orquestra universal. Segundo os iluminados a gratidão atrai prosperidade.

 

Seja tolerante: procure ser tolerante, em primeiro lugar, com você mesmo; aceite suas limitações, todos  nós as temos; não se cobre demais, essa atitude nada complacente gera estresse e doenças psicossomáticas.

 

Descanse:  revitalize sua energia com boas horas de sono, como disse o poeta e filósofo Max Ehrmann " Muitos medos nascem do cansaço e da solidão". Relaxe para usufruir com plenitude de boas companhias.

 

Resumo da ópera: só posso me relacionar bem com alguém, quando eu me relaciono bem comigo mesmo, não posso dar aquilo que me falta. Para dar amor, preciso tê-lo em abundância, a fim de que ele seja suficiente para mim e para o outro, certo?

 

 Portanto, potencialize seu amor-próprio e seja feliz!!!

 

Please reload

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • Instagram Social Icon

           www.janelafeminina.com

 created  by Marlúccia Araújo 2015

        Web designer:  Lucas Reis