O PERFIL DO FOFOQUEIRO DE PLANTÃO


Pessoas felizes não se ocupam em falar mal dos outros. Não costumam rotineiramente tecer comentários maldosos velados de “brincadeirinhas”. Não assumem papéis de juízes ou fiscais da vida alheia. Os frustrados, invejosos e infelizes debruçam-se sobre a fofoca. Vivem para denegrir e difamar quem quer que seja, fazem isso, porque carregam fel nos lábios e o peso da infelicidade no coração. Os cronicamente fofoqueiros são cronicamente infelizes, apontam os “erros” alheios para amenizar a mesquinhez que carregam impregnada no corpo feito perfume barato. Essas “pessoinhas” (com autoestima comprometida) não suportam ver o sorriso rasgado nos lábios dos seres bem-resolvidos. Por isso tentam rebaixá-los para tornar-se maiores, menos pequenos, afundados na sua própria pequenez de gente.

Não sabem eles que ter o hábito corrompido de falar mal dos outros, só os revelam pobres: pobres de essência divina, de caridade, de generosidade e altruísmos. O brilho alheio os ofuscam, dessa forma não se apercebem do que carregam em si: falhas, fendas, lacunas... Ficam incomodados quando enxergam no outro: sucesso, leveza e simplicidade. Logo procuram, com visão míope, distorcer e ver somente pecado e corrupção de valores. Pois projetam nas pessoas libertas e felizes suas próprias mazelas.

Fofoqueiros não apenas aumentam os fatos, eles criam fatos, inventam, levantam falso testemunho, destroem imagens construídas a “duras penas” e arruínam vidas.

No entanto, como a “Lei do Retorno” é infalível, eles sempre colhem o que plantam. Quem semeia maldade, colhe infelicidade. Fofoqueiros não são confiáveis, por isso não têm amigos verdadeiros, não têm respeito e nem admiração dos outros. Vivem rodeados de todas nuances de falsidades e, mais cedo ou mais tarde, sucumbem, mergulhados na própria solidão. Portanto, são pessoas verdadeiramente dignas de compaixão!

#Fofoca #fofoqueiro #infelicidade #maldade

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • Instagram Social Icon

           www.janelafeminina.com

 created  by Marlúccia Araújo 2015

        Web designer:  Lucas Reis